Não sei, não sei

Não sei dizer o quão paciente sou,
Nem medir o que serei...
Sereia sob o luar talvez,
Quando fantasias não me faltarem.

Não sei dizer a falta me faz tua beleza,
E pior, não sei medir a incerteza de não estar com você...
Não sei descansar meu corpo ao pousar minha essência talvez,
Nos teus pensamentos, nas tuas palavras, nos teus sentidos.

Não sei dizer o que não sei,
Não sei medir o que não tenho,
Não sei esperar o que quero,
Não sei viver sem você...

E assim, de repente, eu acordei.
Quase meio-dia...

3 comentários:

- εїз Fabi εїз - disse...

"...Não sei dizer o que não sei,
Não sei medir o que não tenho,
Não sei esperar o que quero,
Não sei viver sem você..."

Assim sou eu hoje... =/

Lindo, mto lindo.

Boa semana!

contador de histórias disse...

Vou me mudar pra cá!

contador de histórias disse...

sei,sei...